Calendário de Eventos

Março 2015
D S T Q Q S S
1 2 3 4 5 6 7
8 9 10 11 12 13 14
15 16 17 18 19 20 21
22 23 24 25 26 27 28
29 30 31 1 2 3 4

 

ESTUDO ELUCIDA MECANISMO DE RESPOSTA IMUNE CONTRA MALÁRIA


Células dendríticas esplênicas (em verde) fagocitam eritrócitos infectados por Plasmodium chabaudi
(em vermelho) na polpa vermelha do baço
(imagem: Henrique Borges da Silva)


Elton Alisson | Agência FAPESP – Pesquisadores do Instituto de Ciências Biomédicas (ICB) da Universidade de São Paulo (USP) elucidaram um dos mecanismos usados pelo sistema imune para controlar a presença de plasmódios – os protozoários do gênero Plasmodium, causadores da malária – no sangue do hospedeiro.

O trabalho foi feito em colaboração com colegas do Instituto de Química da USP, além do Instituto Gulbenkian de Ciência, de Portugal, do Medical Center Research, no Reino Unido, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e da Université d’Orléans, na França.

Eles descobriram que células dendríticas, presentes em grandes quantidades na região da polpa vermelha do baço, são ativadas para conter e eliminar plasmódios no sangue, nos primeiros dias de infecção, pela fagocitose (englobamento e ingestão) de glóbulos vermelhos (eritrócitos) infectados.

 

Resultado da pesquisa de doutorado “Caracterização dos mecanismos efetores da imunidade inata e adquirida no modelo de malária crônica em camundongos CD28KO infectados pelo Plasmodium chabaudi”, realizada com Bolsa da FAPESP, a descoberta foi descrita em um artigo publicado na revista PLoS Pathogens.


::: Leia Mais

 

 

Excesso de iodo na gestação e lactação pode causar hipotireoidismo na prole